Obras de Gandhi passam a domínio público 60 anos após sua morte

Posted by: PDL  /  Category: Informação e Cultura, Notícias

AHMEDABAD, Índia (Reuters) – As obras literárias de Mahatma Gandhi, o ícone da luta pela libertação da Índia do domínio colonial britânico, devem entrar para o domínio público este mês, quando terminará a vigência dos direitos autorais sobre seus escritos e discursos.

Qualquer pessoa poderá então publicar os escritos e discursos do líder legendário, conhecido como “pai da nação”, já que o direito sobre eles termina 60 anos após sua morte.

Gandhi, pioneiro da filosofia de resistência não violenta à ocupação britânica da Índia, foi assassinado por um radical hindu em 30 de janeiro de 1948 em Nova Délhi.

Gandhi entregou suas obras à Fundação Navajivan, de Gujarat, que ele próprio fundou, mas, segundo a Lei de 1957 sobre copyright, as obras de uma pessoa entram para o domínio público 60 anos após sua morte.

Os responsáveis pela fundação disseram que, com base na filosofia de Gandhi, não querem pedir ao governo indiano a extensão dos direitos autorais.

“Considerando o espírito do pensamento de Gandhi, não se deve pedir essa extensão. Já refletimos sobre a questão e não vamos pedir a extensão”, disse à Reuters Television Jitendra Desai, curador administrativo da Fundação Navajivan.

Desde sua criação, a fundação já publicou cerca de 300 volumes das obras de Gandhi, incluindo artigos, cartas, discursos e traduções de sua autobiografia.

Embora Gandhi tenha entregue os direitos autorais de suas obras à fundação, ele próprio nunca subscreveu a idéia do copyright.

“Gandhi nunca apoiou a idéia do direito autoral. Mas, devido a algumas instâncias em que suas idéias foram mal interpretadas, ele foi obrigado a ceder à insistência daqueles que o prezavam e o exortavam a proteger suas obras com direito autoral”, disse outro membro da fundação, Amrut Modi.

Os estudiosos de Gandhi querem que o direito autoral seja reativado pelo governo, temendo que o uso livre de suas obras possa levar outras editoras a fazer interpretações equivocadas de seus textos.

“Quando o copyright terminar, os preços das obras certamente vão subir. A tarefa de levar o pensamento de Gandhi ao povo também pode ser prejudicada”, disse Dhimant Badiya, estudioso de Gandhi em Ahmedabad.

De qualquer maneira, a Fundação Navajivan vai continuar a publicar as obras de Gandhi a preços subsidiados, mesmo depois do fim do direito autoral.

Fonte: Agência Reuters

Temos nossas dúvidas quanto a afirmação de que depois de cair sob domínio público os livros tendem a encarecer. Não sabemos como funciona na Índia, mas por aqui livros sob domínio público costumam ser bem baratos. Além disso, eles podem ir legalmente para internet. Quer mais barato que de graça? Faça-nos um favor né, senhor estudioso!  Fica aí a deixa pra quem souber entender… escanners à obra!

Gandhi foi mesmo um grande cara. Em homenagem a ele finalizamos o tópico com uma biografia do líder indiano, escrita Louis Fischer. Não espere 60 anos para ler!

Gandhi – Louis Fischer

DOWNLOAD!

Tags: , , , ,

Sem Comentários para “Obras de Gandhi passam a domínio público 60 anos após sua morte”

  1. Ramon Terra Comentou:

    Link com problema,poderia diponibilzar outro link?
    Agradeço

Deixar uma Resposta